Os vereadores acabam de aprovar o Projeto de Lei Complementar 18/2011, de origem do Poder Executivo, que estabelece a criação de um cargo de fonoaudiólogo no Hospital Municipal São José. O profissional a ser contratado será para o quadro de efetivos e deverá possuir, no mínimo, graduação superior e registro profissional no conselho da classe.

A matéria propunha também a extinção dos cargos de técnico eletrônico daquela unidade hospitalar, por causa da evolução dos equipamentos, que já não exigem mais tal profissional para serem operados. Mas o vereador Adilson Mariano, presidente da Comissão de Saúde, apresentou emenda para suprimir o artigo que tratava disso. A emenda foi acatada pela Comissão de Legislação e ratificada em plenário. Assim, cria-se o cargo de fonoaudiólogo e mantêm-se os de técnico eletrônico.

A matéria passará por mais uma votação daqui a duas sessões, apenas para a verificação da redação final, conforme determina o Regimento Interno. Depois, seguirá para a sanção pelo prefeito Carlito Merss.