Câmara homenageia os 40 anos da OAB de Joinville

0
64

Em alusão aos 40 anos de fundação da subseção da Ordem dos Advogados do Brasil em Joinville, ocorrida em 22 de dezembro de 1971, a Câmara de Vereadores de Joinville acaba de realizar uma sessão solene. O proponente da cerimônia foi o vereador Juarez Pereira, que leu discurso com o qual afirmou-se honrado pela oportunidade. O parlamentar enalteceu a nobreza da profissão de advogado e citou-a como fundamental para a cidadania, para os direitos humanos e para a manutenção do Estado Democrático de Direito.

O vereador Maurício Peixer saudou os dirigentes da subseção joinvilense pelo trabalho realizado, pelas lutas sociais e de classe, pela interação com Joinville. A vereadora Tânia Eberhardt parabenizou o presidente da subseção, Miguel Teixeira Filho, pela gestão democrática e transparente, segundo suas palavras, estendendo cumprimentos a todos os profissionais da área. O primeiro-secretário da Câmara, vereador James Schroeder, destacou o projeto “OAB Vai à Escola”, programa da entidade com foco na instrução de jovens do ensino médio para a cidadania.

O juiz David Jahn Mello, diretor do foro da comarca de Joinville, disse que os advogados representam a sociedade como um todo. O magistrado lembrou que a OAB é parceira e co-autora das conquistas do judiciário joinvilense nos últimos 40 anos. Mello lembrou ainda que graças ao apoio dos advogados, a comarca terá 24 varas até o final do ano, aumento de seis em relação ao número atual.

O deputado Darci de Matos disse que a OAB/Joinville representa a grandeza da cidade, que é a maior do Estado em habitantes. O parlamentar enalteceu o modelo da Defensoria Dativa praticado em Santa Catarina pela Ordem e afirmou que a subseção joinvilense é exemplo na defesa das garantias constitucionais e dos direitos humanos. Já o procurador-geral do município, Naim Andrade Tanus, destacou que a profissão do advogado é a única citada na Constituição Federal, referindo-se à sua importância.

O presidente Odir Nunes enalteceu o trabalho dos advogados da Câmara de Vereadores de Joinville. “É o time que dá sustentação jurídica aos atos deste Poder”, segundo duas palavras. Nunes disse que o advogado é o mais legítimo representante dos direitos do cidadão e da sociedade. O presidente cobrou também maior representatividade e mais recursos para a subseção joinvilense.

Depois dos discursos de autoridades e convidados, vereadores entregaram placas comemorativas e prestaram suas homenagens aos membros da atual gestão da OAB de Joinville. A entendida, por sua vez, também homenageou os ex-presidentes Paulo João da Silva Medeiros (em memória), Aymoré Palhares (em memória), João Roberto dos Santos Régnier, José Geraldo Ramos Virmond, Cláudio Pereira Ramos, Jaime Geraldo Pereira, Udo Schmidt, Nathanael Rocha, Carlos Adauto Vieira, Celso Correia Zimath e Édelos Früsthück.

O atual líder dos advogados joinvilenses, Miguel Teixeira Filho, disse ver na sessão solene desta noite uma homenagem de todo o povo de Joinville, por se tratar a Câmara de Vereadores de Joinville da entidade máxima da representação popular municipal. Teixeira lembrou o regime de exceção do período militar para contemplar o Estado Democrático de Direito.

Segundo o dirigente, são 2.200 advogados os componentes dos quadros da subseção joinvilense. Teixeira abordou o “esforço abnegado” dos profissionais que atuam na Defensoria Dativa, que presta serviços a pessoas carentes e é feita pela Ordem. Destacou, ainda a importância do programa “OAB Vai à Escola”.

“Só chegamos a esta posição de prestígio por causa da atuação de todos os dirigentes que nos lideraram ao longo destes 40 anos. Outro não tem sido o nosso esforço senão honrar os legados destas pessoas. Agradecemos aos vereadores e aos servidores desta casa de leis por esta valorosa sessão”.

{loadposition 110812}

Fotos de Sabrina Seibel