Comissão discute problemas das escolas estaduais

0
61

Os problemas estruturais das escolas estaduais de Joinville foi o tema da reunião da Comissão de Educação da Câmara de Vereadores de Joinville, na tarde de hoje. Participaram representantes de Associações de Pais e Professores (APP) de escolas da cidade, a Secretaria de Desenvolvimento Regional (SDR) e a Gerência Regional de Educação (Gered). A principal reclamação foi em relação à estrutura física das escolas. Todas as Associações relataram problemas de goteiras e infiltrações nos prédios.

Para os interessados o problema é antigo, sendo que várias escolas já foram interditadas pela Vigilância Sanitária por falta de manutenção e conservação. O gerente de infra-estrutura da SDR, Fabiano Lopes de Souza apresentou o planejamento do governo estadual para reestruturação das escolas. Segundo ele, o primeiro passo é fazer o diagnóstico do que precisa ser construído ou reformado nos prédios, depois investir em um contrato para a manutenção corretiva desses locais. Ele acredita que, após reformadas, as escolas conseguiriam manter sua estrutura física em bom estado com R$ 2.500,00 mensais, atualmente tem uma empresa que foi contratada para fazer esse serviço. Outra preocupação manifestada pelos pais é em relação a substituição dos professores que se licenciam por motivos de saúde. A gerente Regional de Educação, Heliete Steingräber afirmou que há um planejamento para a contratação de novos professores a partir do próximo ano. Os vereadores da comissão afirmaram que vão continuar acompanhando o andamento dos projetos de reformas. A vereadora Dalila Leal, presidente da comissão, mostrou-se satisfeita com o resultado do debate e classificou a reunião como a mais produtiva que já foi feita para tratar do assunto. Participaram do encontro os vereadores Dalila Rosa Leal, Tânia Eberhardt, Adilson Mariano e Alodir Alves de Cristo.

Foto: Sabrina Seibel