26 C
Joinville
sábado, 28 janeiro 2023
Home Vereadores Adilson Girardi Como foi a palavra livre desta segunda-feira (24)

Como foi a palavra livre desta segunda-feira (24)

0
Como foi a palavra livre desta segunda-feira (24)

Tânia Larson (PSL) agradeceu as emendas impositivas que estão possibilitando mutirão de microchipagem de animais. Ela disse que deve ser implantado em Santa Catarina um sistema estadual de microchipagem e que faz parte de um grupo que está estudando o assunto.

Cassiano Ucker (Cidadania) informou que uma decisão da Justiça determinou que o governo de Santa Catarina volte a distribuir os análogos de insulina de ação lenta, que não estão sendo distribuídos aos diabéticos há quase um ano. O vereador e médico destacou que a insulina é essencial para que os pacientes não tenham consequências que custarão mais para o sistema de saúde no futuro, como a necessidade de hemodiálise.

Adilson Girardi (MDB) agradeceu à equipe da Seinfra a limpeza do rio Águas Vermelhas. O vereador agradeceu também à equipe da Vigilância Ambiental a ação de controle a pernilongos na área rural.

Wilian Tonezi (Patriota) abordou a instauração da comissão especial do desabamento da calçada, afirmando que o grupo visa apurar responsabilidades e evitar novos acidentes.

Lucas Souza (PDT) lembrou o problema de abastecimento de água que a zona sul de Joinville enfrentou por quatro dias na semana passada.

Maurício Peixer (PL) comentou sobre a mudança do Centro Pop de perto da rodoviária para o Bucarein, o que ele acredita não ser a melhor solução.

Brandel Junior (Podemos) reclamou do mato no Bucarein, na região das ruas Afonso Pena e Porto Belo, que, segundo ele, já está com 50 cm de altura.

Kiko do Restaurante (PSD) afirmou que a comunidade o procurou sobre o comentário de que a ponte da Rua Baltazar Buschle estaria comprometida. Segundo o vereador, os técnicos da Prefeitura afirmaram que a ponte está em boas condições.

O vereador Pastor Ascendino Batista (PSD) afirmou que a comunidade do Jardim Paraíso tem reclamado muito da falta de médicos nas unidades básicas de saúde. Ele foi visitar as unidades do bairro e constatou que realmente faltam servidores. Para o vereador, a situação está crítica.

Diego Machado (PSDB) afirmou que está sendo retirado o asfalto velho e colocado um novo asfalto na Rua Dona Francisca, no trecho do cemitério homônimo até a rotatória da fábrica da Döhler, após reclamações de moradores e motoristas.