Revendedores de gás articulam formação de Núcleo

0
161

Realizada na tarde de hoje, na Câmara de Vereadores de Joinville (CVJ), a terceira reunião dos revendedores de Gás Liquifeito de Petróleo (GLP), “engarrafado” (botijões), para tratar da regulamentação do depósito, comercialização e transporte de gás. Diante dos problemas que atinge o setor, não somente em Joinville mas em todo o país, como um excessivo número de leis federais e falta de leis complementares no Estados e município e que acabam se transformando num emaranhado confuso para os empreendedores e interessados na atividade, a prisão de revendedores – como já ocorreu em Joinville, onde uma comerciante chegou a ser detida – e a possibilidade de futuros contratempos e constrangimentos os revendedores optaram em se organizar numa categoria.

Decidiram organizar um núcleo junto à Associação de Joinville e Região da Micro, Média e Pequena Empresa – Ajorpeme, no intuito de ganhar força nas reivindicações que vêm sendo feitas. O Diretor Geral da Câmara, Flávio Boldt foi o coordenador do encontro desta tarde. Ele lembrou do aspecto positivo acordado na terça-feira em reunião entre o presidente do legislativo, Odir Nunes e representantes da Conurb, da Seinfra, Fundema com o consultor especializado em legislação e regulação de derivados de petróleo, Aloísio Neko Gonçalves, que os revendedores poderão fazer a entrega do botijão ao consumidor (particular) em camionetes com caçamba aberta, porém, sem exceder o peso de 330 quilos.

Ao final da reunião os revendedores acertaram que vão se reunir com o presidente da Ajorpeme para acertar sobre a formação do núcleo e desta forma caminhar a passos largos na busca de uma regulamentação para a atividade em Joinville.

Foto: Sabrina Seibel
Colaborou: Marcos de Oliveira