19.8 C
Joinville
sexta-feira, 9 dezembro 2022
spot_img
Home Notícias Comissões Vereadores conhecem as ações de segurança para os rios da região rural durante o verão

Vereadores conhecem as ações de segurança para os rios da região rural durante o verão

Vereadores conhecem as ações de segurança para os rios da região rural durante o verão

Rondas policiais, campanhas educativas e maior fiscalização ambiental estão entre as medidas apresentadas pelos órgãos de segurança para minimizar os impactos de possíveis atos de vandalismo na área rural de Joinville no próximo verão. O planejamento das ações é resultado de reclamações levantadas por moradores da área rural, principalmente do entorno dos rios Piraí e Quiriri e foi apresentado à Comissão de Proteção Civil da câmara nesta terça-feira (27).

Proponente do debate, Adilson Girardi (MDB) defendeu que a pauta está em discussão com as comunidades rurais desde o ano passado. De acordo com o vereador, elas relatam que banhistas, principalmente em lazer no rio Piraí e afluentes, fazem uso excessivo de álcool, de drogas, invadem áreas particulares, cortam a vegetação e praticam atos de vandalismo que prejudicam os moradores locais.

Também na defesa da pauta, a presidente da Associação de Moradores da Estrada dos Morros (Amem), Silvia Brummer, opinou que no passado não havia parque aquático ou outro estabelecimento para atender às pessoas de forma segura na área rural, mas afirmou que hoje esses estabelecimentos existem e não há mais a necessidade do uso dos rios para o lazer.

O presidente da Associação de Turismo Ecorrural de Joinville, Rogério Tamazzia, acrescentou que os turistas costumam estacionar veículos em locais inadequados e ameaçam moradores da área rural. Na opinião de Tamazzia, todas as ações relatadas prejudicam o turismo, pois desencorajam outros visitantes. Ele pediu cuidado especial nos locais próximos a pontes, que, segundo ele, reúnem mais banhistas.

Ações

Na apresentação das ações, a gerente da Unidade de Fiscalização da Secretaria de Meio Ambiente (Sema), Sarah Francisco, contou que a pasta dará suporte no âmbito da educação ambiental, por meio de blitze educativas, com o objetivo de conscientizar a população sobre a utilização do espaço público no entorno dos rios. Conforme Sarah, na operação verão, a pasta vai designar uma equipe de fiscalização para atender a área rural com o objetivo de fortalecer a fiscalização ambiental e evitar infrações. Outro investimento informado por Sarah é a aquisição de placas de sinalização e de lixeiras para facilitar o depósito de lixo no entorno dos rios.

O aumento de fiscalização também está no planejamento da Polícia Militar e da Polícia Militar Ambiental. Subcomandante do 8º Batalhão de Polícia Militar, Daniel Screpanti defendeu que o aumento de rondas tem o objetivo de coibir alguns problemas gerados pelos banhistas, como o som alto e a depredação do patrimônio público.

O comandante da Polícia Militar Ambiental, Ruy Ferreira Júnior, declarou que haverá a disponibilização de uma viatura exclusiva para atender aos casos de perturbação, de ocupação irregular e de irregularidades ambientais.

O representante da Defesa Civil, Maiko Richter, contou que o órgão trabalha na prevenção de acidentes por meio de conscientização nas escolas do município. Ele também informou que a Defesa Civil fará blitze preventivas na área rural nos fins de semana.

No âmbito do trânsito, o gerente da Unidade de Trânsito do Departamento de Trânsito de Joinville (Detrans), Alexandre Demaria, garantiu aumento de rondas e intensificação de blitze para coibir os delitos de trânsito nas estradas rurais.